Quinta-feira, 16.07.09

Desde 1999 que uma equipa brasileira que chegava à final da da Copa dos Libertadores perdia, sempre e quando não ganhava a primeira mão. Dez anos cumpridos e a maldição continua viva e o favorito Cruzeiro caiu aos pés do histórico Estudiantes de la Plata. A equipa argentina terminou uma travessia no deserto que durou 39 anos.

 

A segunda juventude de Juan Sebastian Veron e o estilo determinado de um eixo médio extremamente pressionante com Braña, Pérez, Benitez e Gastón Fernandez foram determinantes no desenrolar do encontro. O estilo matador inconfundível de Mauro Boselli fez o resto. Depois da na primeira mão o jogo ter terminado num azedo 0-0, tudo ficou por decidir no Mineirão. Os adeptos locais festejavam já a possibilidade de igualar o São Paulo em trofeus continentais, mas a equipa orientada por Adilson Batista nunca se encontrou. Os mineiros até se adiantaram no marcador, depois de uma primeira parte muito morna para um jogo decisivo. A primeira parte foi predominantemente dos visitantes com os brasileiros a apostar demasia nos lançamentos longos, num estilo de jogo contra-natura já que durante a prova o Cruzeiro sempre demonstrou estar mais cómodo com a bola nos pés. No regresso do intervalo Henrique, poderoso médio de contenção, rasgou a monotonia com um pontapé ensurdecedor que Andújar não conseguiu travar. O ruido estrondoso nas bancadas antecipava a festa mas os argentinos mostraram toda a eficácia que os levou passo a passo até ao jogo final. Verón tomou conta do meio campo e anulou por completo o estourado Ramires. Num toque magistral, o antigo médio da Lázio e Man Utd descubriu no meio do nada Cellay que com um cruzamento tenso encontrou Gaston Fernandez. O médio desviou para as redes de Fábio e empatou o jogo.

 

O golo motivou ainda mais o Estu que lançou-se com todas as armas para a área rival. O Cruzeiro - visivelmente cansado e mal preparado- aguentou apenas quinze minutos antes que Veron, sempre ele, servisse de bandeja ao goleador Boselli que não hesitou em cabecear para o fundo das redes azuis. Estava consumada a reviravolta e o resultado poderia ter sido ainda ampliado já que foram sempre os argentinos os que procuraram a baliza rival nos vinte minutos restantes. Thiago Ribeiro, rápido extremo local que entrou para o lugar do apagadíssimo Wellington, ainda rematou à barra a cinco minutos do fim, mas foi um ligeiro suspiro sem continuação. No jogo de comemoração das bodas de ouro da prova a Argentina provou a sua superioridade face aos colectivos brasileiros, que no entanto têm dominado a última década da prova. Isso sim, sempre e quando conseguem escapar à maldição. 



publicado por Miguel Lourenço Pereira às 18:47 | link do post | comentar

Terça-feira, 07.07.09

Era suposto serem as comemorações históricas dos 50 anos mas a edição dourada da Copa dos Libertadores teve de tudo. Futebol, emoção, suspensões, a omnipresente ameaça da gripe…No final o futebol acaba por triunfar e o jogo decisivo disputa-se entre um representantes brasileiro e argentino. Simbólico já que são os países que somam mais títulos continentais e que nesta derradeira final a duas mãos disputam a primazia do futebol sul-americano. Cruzeiro e Estudiantes são os anfitriões de uma final que quer provar ao mundo que apesar de tudo o futebol sul-americano está verdadeiramente de parabéns.

 
O Estudiantes volta a uma final da Libertadores. A equipa que venceu três torneios consecutivos entre 1968 e 1970 e que nesse virar de década era o máximo simbolo do duro e viril futebol argentino, regressa pela primeira vez a uma final continental desde 1977. Atrás dos grandes, é o clube argentino com mais trofeus continentais apesar de só possuir 4 titulos nacionais de campeão. Depois da vitória histórica sob a orientação de Diego Simeone, a equipa argentina teve uma temporada doméstica decepcionante. Mas, em troca, na prova continental exibiu-se a grande nivel. Nas meias finais defrontou outro histórico da prova, o Nacional de Montevideo, e venceu por 2-1 no primeiro encontro tendo acabado por confirmar o apuramente com uma vitória por 0-1 em Montevideo, sem nenhum adepto seu nas bancadas devido à ameaça da propagação do virus da Gripe A, que tem causado dezenas de mortes na Argentina. O onze argentino é liderado por Juan Sebastian Veron. La Bruja regressou à Argentina depois das más experiências em Inglaterra e Itália e ressuscitou a sua carreira com uma notável temporada. A sua ausência no decisivo jogo da segunda mão provou, no entanto, aos mais cépticos, que há vida no Estu para além de Veron. O onze orientado agora por Alejandro Sabella - o próprio Simeone não resistiu aos maus resultados domésticos - conta com sólidos valores como Marco Angeleri, Jose Luis Calderon, Diego GalvanMariano Andujar.  
 
Do outro lado está o brasileiro Cruzeiro que procura igualar o recorde de três Copas dos Libertadores conquistado pelo São Paulo. A equipa de Belo Horizonte espelha bem o dominio do futebol brasileiro na prova que nos últimos cinco anos sempre contou com um clube na grande final, tendo-se mesmo dado o caso de haver uma final entre duas equipas canarinhas. A equipa brasileira é favorita apesar de que nos dois encontros disputados na fase de grupos cada um venceu o respectivo desafio disputado em casa. Nas meias finais o Cruzeiro derrotou o Grémio de Porto Alegre depois de antes ter eliminado outro conjunto brasileiro, o São Paulo. A equipa azul orientada por Adilson Baptista conta com um dos melhores goleadores da prova, Wellington, e ainda Fábio, Thiago Heleno, Athirson e Ramires, a nova contrtação benfiquista que até já comentou que gostaria de disputar o Mundial de Clubes, se o seu clube vencesse a final.
 
A edição deste ano da Copa dos Libertadores estava assinalada como uma celebração do futebol sul-americano mas a polémica disparou com o aparecimento do novo virus da gripe A. As equipas sul-americanas recusaram-se viajar até ao México (que participa como convidado) sob a desculpa de que não havia o minimo de condições de segurança para os seus jogadores. A federação mexicana indignou-se e retirou-se da prova à qual só regressou nos últimos dias depois de alargadas negociações. A presença do virus é agora um fantasma comum a todos os paises e a Argentina um dos países mais afectados, pelo que o Cruzeiro, que disputa o primeiro encontro em território "che" decidiu levar uma autêntica armada de médicos e enfermeiros de forma a garantir que nenhum jogador acaba contagiado pelo virus. Os próprios elementos do Estudiantes vão estar isolados durante estes quinze dias para evitar o contágio.
 
No meio de tanta polémica o futebol segue dentro de momentos. Dia 15 de Julho disputa-se a segunda mão e o mundo conhecerá o grande campeão do futebol sul-americano de 2009.


publicado por Miguel Lourenço Pereira às 18:33 | link do post | comentar

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Ultimas Actualizações

Estudiantes acaba com 39 ...

Cruzeiro e Estudiantes de...

Últimos Comentários
Thank you for some other informative web site. Whe...
Só espero que os Merengues consigam levar a melhor...
O Universo do Desporto é um projeto com quase cinc...
ManostaxxGerador Automatico de ideias para topicos...
ManostaxxSaiba onde estão os seus filhos, esposo/a...
arquivos

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

.Em Destaque


UEFA Champions League

UEFA Europe League

Liga Sagres

Premier League

La Liga

Serie A

Bundesliga

Ligue 1
.Do Autor
Cinema
.Blogs Futebol
4-4-2
4-3-3
Brigada Azul
Busca Talentos
Catenaccio
Descubre Promesas
Desporto e Lazer Online
El Enganche
El Fichaje Estrella
Finta e Remate
Futebol Artte
Futebolar
Futebolês
Futebol Finance
Futebol PT
Futebol Total
Jogo de Área
Jogo Directo
Las Claves de Johan Cruyff
Lateral Esquerdo
Livre Indirecto
Ojeador Internacional
Olheiros.net
Olheiros Ao Serviço
O Mais Credível
Perlas del Futbol
Planeta de Futebol
Portistas de Bancada
Porto em Formação
Primeiro Toque
Reflexão Portista
Relvado
Treinador de Futebol
Ze do Boné
Zero Zero

Outros Blogs...

A Flauta Mágica
A Cidade Surpreendente
Avesso dos Ponteiros
Despertar da Mente
E Deus Criou a Mulher
Renovar o Porto
My SenSeS
.Futebol Nacional

ORGANISMOS
Federeção Portuguesa Futebol
APAF
ANTF
Sindicato Jogadores

CLUBES
Futebol Clube do Porto
Sporting CP
SL Benfica
SC Braga
Nacional Madeira
Maritimo SC
Vitória SC
Leixões
Vitoria Setúbal
Paços de Ferreira
União de Leiria
Olhanense
Académica Coimbra
Belenenses
Naval 1 de Maio
Rio Ave
.Imprensa

IMPRENSA PORTUGUESA DESPORTIVA
O Jogo
A Bola
Record
Infordesporto
Mais Futebol

IMPRENSA PORTUGUESA GENERALISTA
Publico
Jornal de Noticias
Diario de Noticias

TV PORTUGUESA
RTP
SIC
TVI
Sport TV
Golo TV

RADIOS PORTUGUESAS
TSF
Rádio Renascença
Antena 1


INGLATERRA
Times
Evening Standard
World Soccer
BBC
Sky News
ITV
Manchester United Live Stream

FRANÇA
France Football
Onze
L´Equipe
Le Monde
Liberation

ITALIA
Gazzeta dello Sport
Corriere dello Sport

ESPANHA
Marca
As
Mundo Deportivo
Sport
El Mundo
El Pais
La Vanguardia
Don Balon

ALEMANHA
Kicker

BRASIL
Globo
Gazeta Esportiva
Categorias

a gloriosa era dos managers

a historia dos mundiais

adeptos

africa

alemanha

america do sul

analise

argentina

artistas

balon d´or

barcelona

bayern munchen

biografias

bota de ouro

braga

brasileirão

bundesliga

calcio

can

champions league

colaboraçoes

copa america

corrupção

curiosidades

defesas

dinamarca

economia

em jogo

entrevistas

equipamentos

eredevise

espanha

euro 2008

euro 2012

euro sub21

euro2016

europe league

europeus

extremos

fc porto

fifa

fifa award

finanças

formação

futebol internacional

futebol magazine

futebol nacional

futebol portugues

goleadores

guarda-redes

historia

historicos

jovens promessas

la liga

liga belga

liga escocesa

liga espanhola

liga europa

liga sagres

liga ucraniana

liga vitalis

ligas europeias

ligue 1

livros

manchester united

medios

mercado

mundiais

mundial 2010

mundial 2014

mundial 2018/2022

mundial de clubes

mundial sub-20

noites europeias

nostalgia

obituário

onze do ano

opinião

polemica

politica

portugal

premier league

premios

real madrid

santuários

seleção

selecções

serie a

sl benfica

sociedade

south africa stop

sporting

taça confederações

taça portugal

taça uefa

tactica

treinadores

treino

ucrania

uefa

todas as tags

subscrever feeds