Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009

As únicas equipas campeãs em Dezembro são as do continente americano. O honorífico título de campeão de Inverno vende jornais mas não otorga títulos com direito a estatistica incluída. Ao terminar o ano há os primeiros campeões honoríficos mas o passado ajuda a perceber que chegar à frente no final do ano pouco impacto tem quando as contas realmente se fazem já com a Primavera a chegar ao seu final.

 

Braga e Benfica, Barcelona e Chelsea, Bordeaux e Inter, Bayer Leverkusen ou Twente. São os prováveis campeões das ligas europeias em Maio ou um reflexo apenas de uma circunstância puramente conjuntural? A experiência diz-nos que se verifica mais o segundo que o primeiro caso. Num jogo repeleto de improbabilidades como é o beautiful game, fechar o ano na liderança é sempre um plus anímico mas com a maioria dos campeonatos ainda sem chegar à sua respectiva metade é demasiado precipitado anunciar campeões. Apesar das pequenas celebrações em alguns balneários por essa Europa fora.

No final de contas é a diferença pontual mais do que a posição na tabela classificativa quem dá sentido à analise da época com a paragem natalicia. Exceptuando a Premier League, que em lugar de levantar arraiais entra numa espiral competitiva única, as restantes ligas dizem até já. E só em principios de Janeiro voltarão a encher estádios num mês, aliás, pautado pelas habituais eliminatórias das taças nacionais e de outras competições criadas para aumentar as depauperadas receitas de bilheteiras por esse continente fora.

 

Olhando para as tabelas classificativas é fácil entender que de todos os proclamados campeões de Inverno, só existe uma equipa que pode ir colocando o champagne no congelador: o Inter de José Mourinho.

Apesar das criticas cada vez mais intensas e das dificuldades que se antevêm com a eliminatória europeia frente ao Chelsea os neruazzurri continuam a fazer da Serie A um passeio com a ajuda preciosa dos rivais mais directos. Nova derrota da Juventus - frente ao último - e a vantagem que se amplia a nove pontos com dezassete jogos disputados. Pelo meio está o AC Milan, a oito pontos e com menos um jogo, adiado devido ao mau tempo. Mourinho sabe que para se dedicar a 100% na Europa deve ter uma vantagem confortável na prova doméstica e a vitória de ontem frente à Lázio, num exercício de pura eficácia, praticamente deixa as contas bem encaminhadas. Uma situação invejável que mais nenhum clube europeu pode presumir.

O único onze que está numa situação similar é o sempre competitivo Girondins Bordeaux. Depois de uma fase de grupos mágica na Champions League - bafejada com um sorteio alentador - os girondinos puderam finalmente concentrar-se em renovar o titulo doméstico. A categórica vitória por 4-1 frente ao Lorient e os enésimos tropeções de Lyon e Marseille abriram uma brecha dificil de sanar na classificação. Oito pontos de vantagem com metade do campeonato cumprido sendo que os de Lyon têm um atraso já de 10 pontos. Recuperável mas em circunstâncias bastante complicadas.

 

Competitiva como nunca está a liga espanhola. O já oficial "Barça de las 6 Copas" lidera a prova mas apenas com dois pontos de avanço para o milionário Real Madrid, que depois de um inicio contestado tem trepado na classificação. Não fosse a derrota no Camp Nou e agora os merengues eram líderes. Não o são mas a vitória por 6-0 diante do Zaragoza deixa-os como a equipa mais eficaz e menos goleada. E dois pontos em Espanha não são absolutamente nada deixando para os próximos meses uma série de confrontos que poderão determinar se a vantagem blaugrana se anula ou, pelo contrário, volta a ampliar-se. E se a vantagem da Premier League é apenas de três pontos para o Chelsea, o facto da prova continuar de forma ininterrumpida até ao principio do ano deixa qualquer análise já bem entrado o mês de Janeiro, já em Portugal a época fecha como decorreu. O Sporting de Braga continua ano frente e pela primeira vez na sua história dobra o ano no primeiro posto. Algo que nem o Boavista logrou quando se sagrou campeão, tendo assaltado a liderança apenas em finais de Janeiro. O conjunto bracarense tem vindo a perder pontos importantes que o impedem de liderar em solitário mas mantém elevados os altos níveis de competitividade. Com os mesmos pontos caminho o Benfica. O onze de Jorge Jesus sabe o que significa acabar o ano em primeiro, nem que seja em ex aqueo. Já o ano passado Quique Flores foi "campeão de Inverno". E de pouco lhe valeu. A vitória ontem diante de um FC Porto a milhas do que pode fazer voltou a manter a diferença entre o duo da frente e o seu perseguidor em quatro pontos. Uma diferença infima e que deixa a luta pelo titulo adiada para os próximos meses com a particularidade de que o Braga não terá de suportar os dificeis duelos europeus.

 

Com a neve a congelar mais de meia Europa e os temporais a anunciar a chegada do "general Inverno", o futebol na Europa entra em modo de pausa. Se a paragem é larga em paises como a Alemanha - onde o Bayer Leverkusen se consagra como a grande revelação - e Holanda, já no sul a pausa é apenas de duas semanas, mais por motivos festivos do que pela intempérie que se vai vivendo. Dentro de nada a bola voltará a rolar e as diferenças que ditam os campeões de Inverno rapidamente se anularão ou até se ampliarão. Mas acreditar que fechar o ano à frente é sinónimo de festa no caloroso Maio é ignorar o principio mágico deste jogo: só acaba quando realmente acaba.



Miguel Lourenço Pereira às 10:12 | link do post | comentar

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

Fundamental.
EnfoKada
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


FUTEBOL MAGAZINE. revista de futebol online


Futebol Magazine


Traductor


Ultimas Actualizações

Toni Kroos, el Maestro In...

Portugal, começar de novo...

O circo português

Porta de entrada a outro ...

Os génios malditos alemãe...

Be right back

2014, um Mundial de parad...

Brasil vs Alemanha, o fim...

Di Stefano, o jogador mai...

Portugal, as causas da hu...

Últimos Comentários
ManostaxxSaiba onde estão os seus filhos, esposo/a...
En el libro último de Carlos Daniel ni siquiera se...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
Ya existe Avenida Eusebio, Estadio da Luz; NO EXIS...
Posts mais comentados
69 comentários
64 comentários
47 comentários
Arquivo
.Do Autor
Cinema
.Blogs Portugueses
4-4-2
A Outra Visão
Açores e o Futebol
Duplo Pivot
Foot in My Heart
Futebol Finance
Futebol Portugal
Lateral Esquerdo
Leoninamente
Minuto Zero
Negócios do Futebol
Pitons em Riste
Porta 19
Portistas de Bancada
Reflexão Portista
TreinadorFutebol
.Blogs Internacionais
Os mais destacados blogs internacionais de futebol
.Imprensa Desportiva
Edições Online Imprensa
Aviso

Podem participar nesta tertúlia futebolistíca enviando os vossos comentários e sugestões à direcção de correio electrónico: Miguel.Lourenco.Pereira@gmail.com


Bem Vindos a Em Jogo...


Nota



O Em Jogo informa os leitores que as fotos publicadas não são da autoria do weblog sendo que os seus respectivos direitos pertencem aos seus legítimos autores.



Siga o Em Jogo através do:

Follow Em_Jogo on Twitter


Em Jogo

Crea tu insignia

Bem vindo!

Categorias

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO