Terça-feira, 12 de Junho de 2012

Será mais fácil que a Grécia abandone o Euro, moeda, do que este Europeu de futebol. Apesar de ser dificil imaginar uma vitória helénica face aos russos - e uma carambola de resultados que o ajude - a forma como os gregos tentaram igualar um encontro desigual com os checos faz lembrar o mesmo espirito estoico da geração de 2004. Com duas oferendas do guardião Chalkias, os checos viram-se na frente nos primeiros sete minutos e desistiram de lutar acabando sufocados pela equipa de Fernando Santos.

Dois remates, dois golos.

Dois erros tremendos de Chalkias, o calcanhar de Aquiles desta equipa, e uma desvantagem impossível de recuperar. A República Checa encontrou-se com esta vantagem inesperada, eles que entraram em jogo com a mesma velocidade e critério demonstrada contra os russos, e passou a primeira parte a gerir a vantagem, com um fantástico Rosicky em campo. Os gregos tentavam dar a volta mas apesar de ter mais a bola, era uma possessão inconsequente, sobretudo pelo péssimo jogo do seu trio de ataque. Mas com o intervalo tudo mudou.

Os checos viram o jogo ganho e deixaram Rosicky no balneário, a pensar no duelo com os polacos. A Grécia cresceu e foi subindo metros no terreno de jogo, cercando a área de Petr Cech até que um centro inconsequente de Samaras encontrou um erro garrafal do guardião do Chelsea que ofereceu, de mão beijada, o golo a Gekas.

Foi o grito de revolta que esperaram os gregos que, a partir daí, passaram a ter ainda mais a bola, optando por lançamentos longos para a área rival. Uma e outra vez tentaram romper o muro grego. Uma e outra vez falharam. Mas morreram a tentar e apesar da injusta derrota, continuam vivos neste grupo imprevisível.

 

Com este resultado a República Checa disputará um dos lugares nos Quartos no duelo directo com a Polónia. Aos gregos resta esperar que a Rússia vença os polacos, matematicamente garanta o apuramento, e apresente uma equipa de segunda linha no duelo final para sonhar com um lugar que, tendo em conta os dois jogos disputados, não desmerece.


Categorias:

Miguel Lourenço Pereira às 17:31 | link do post | comentar

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

Fundamental.
EnfoKada
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


FUTEBOL MAGAZINE. revista de futebol online


Futebol Magazine


Traductor


Ultimas Actualizações

Toni Kroos, el Maestro In...

Portugal, começar de novo...

O circo português

Porta de entrada a outro ...

Os génios malditos alemãe...

Be right back

2014, um Mundial de parad...

Brasil vs Alemanha, o fim...

Di Stefano, o jogador mai...

Portugal, as causas da hu...

Últimos Comentários
En el libro último de Carlos Daniel ni siquiera se...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
Ya existe Avenida Eusebio, Estadio da Luz; NO EXIS...
¡Suerte....!
Posts mais comentados
69 comentários
64 comentários
47 comentários
Arquivo
.Do Autor
Cinema
.Blogs Portugueses
4-4-2
A Outra Visão
Açores e o Futebol
Duplo Pivot
Foot in My Heart
Futebol Finance
Futebol Portugal
Lateral Esquerdo
Leoninamente
Minuto Zero
Negócios do Futebol
Pitons em Riste
Porta 19
Portistas de Bancada
Reflexão Portista
TreinadorFutebol
.Blogs Internacionais
Os mais destacados blogs internacionais de futebol
.Imprensa Desportiva
Edições Online Imprensa
Aviso

Podem participar nesta tertúlia futebolistíca enviando os vossos comentários e sugestões à direcção de correio electrónico: Miguel.Lourenco.Pereira@gmail.com


Bem Vindos a Em Jogo...


Nota



O Em Jogo informa os leitores que as fotos publicadas não são da autoria do weblog sendo que os seus respectivos direitos pertencem aos seus legítimos autores.



Siga o Em Jogo através do:

Follow Em_Jogo on Twitter


Em Jogo

Crea tu insignia

Bem vindo!

Categorias

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO