Sexta-feira, 30 de Março de 2012

São a melhor equipa do ano. Com recursos infimos jogam de uma forma inimitável, fruto do génio absoluto do treinador mais audaz e apaixonante do futebol mundial. O Athletic Bilbao de Marcelo Bielsa é mais do que uma grande equipa num imenso estado de forma. É a prova de que é possível fazer muito com pouco, que há espaço para a garra e o toque, a análise cientifico e o recurso ao coração nos momentos de aperto. Bielsa é um caso único no futebol mundial, alguém de quem é impossível não se apaixonar perdidamente quando falamos de futebol.

Bielsa dá um passo á esquerda, cinco á direita, coloca-se de cócoras, dá meia volta e recomeça a contar.

O seu feitio de colocar ordem em qualquer momento de caos mental faz dele quase uma caricatura de um génio. Mas a realidade do "Loco" de Rosário vai muito mais longe. Se a cidade argentina tem um dos melhores jogadores do Mundo também pode orgulhar-se de ter um treinador sem igual, capaz de fazer muito com tão pouco sem nunca renunciar aos seus principios.

Quem segue o Athletic Bilbao sabe que o nome do argentino era o último que se podia associar a San Mamés, estádio onde se forjou o espirito guerreiro do futebol espanhol, noites de dureza épica, garra histórica e sob o grito "Euskadi" se defendia a bandeira com a vida. O estádio onde Javier Clemente moldou o seu 4-4-2 mais britânico e agressivo de sempre. O estádio que desconfiava do génio de Julen Guerrero e preferia a entrega de Joseba Extebarria. A catedral que se rendeu ao futebol brusco, bronco e eficaz de Caparrós. Enfim, um clube onde a forma de vencer se assemelhava mais a uma batalha ideológica do que a um exprimir todo o sumo futebolistico dos seus melhores jogadores. Mas algo mudou. O nascimento de uma geração irrepetivel na história do clube desde os anos 50 - onde o Bilbao logrou bater o Real Madrid de Di Stefano na luta pelo titulo por duas vezes - trouxe uma novamentalidade e quando o clube foi a votos José Urrutia, o ex-jogador que anunciou Bielsa como seu treinador, venceu o presidente em exercio, Fernando Mácua, responsável pela reestruturação financeira e desportiva da identidade. A vitória de Urrutia foi a porta de aberta de Bielsa e o inicio do melhor ano da história do clube basco desde 1984.

 

Obcecado pelo futebol e pela vida, Bielsa é único. Para ele a vida só faz sentido com uma bola nos pés.

Na preparação para o duelo em Gelsenkirchen contra o Schalke 04 viu 48 videos do conjunto alemão lembrando o Mundial de 2002 na Coreia do Sul. Então o seleccionador argentino levou consigo mais de 600 videos de todas as seleções presentes no torneio. Os jogadores não corresponderam á intensa preparação do "Loco" e a albiceleste voltou cedo para casa mas a vitória na Copa América primeiro e a sua notável prestação como seleccionador chileno voltou a devolver o nome de Bielsa á ribalta. O chileno é, provavelmente, com Louis van Gaal, o mais genial e menos reconhecido técnico do futebol mundial dos últimos 25 anos.

Em Bilbao, um clube que só contrata jogadores bascos, Marcelo não teve direito aos fundos de José Mourinho, Josep Guardiola, Roberto Mancini ou Alex Ferguson. Mas o seu onze base é provavelmente o mais intenso, apaixonante e espectacular do ano. O curto banco, espelho do pouco leque de opções que um clube que leva o simbolo de Euskadi muito a sério, impediu-o de estar actualmente mais perto da Champions League na tabela classificativa da liga. Mas na Europe League o clube basco tem sido superlativo. Depois de vencer a fase de grupos e de eliminar o Lokomotiv Moscow, o festival de futebol com que Bielsa asfixiou ao veterano Ferguson em 180 dos melhores minutos do futebol europeu despertaram a Europa para algo que Espanha já se tinha habituado a ver semana sim, semana também. Os 2-4 impostos ao Schalke 04 foram outra prova tremenda da capacidade táctica do técnico. Depois de uma primeira parte em que o jogo pertenceu aos alemães, Bielsa reordenou as peças, soltou Muniain e Susaeta, e a equipa que muitos diziam estar fisicamente morta venceu por 2-4, sentenciando praticamente um lugar nas meias-finais onde pode defrontar o Sporting CP antes da viagem a Bucareste.

Bielsa é um treinador corajoso. Chegou uma semana depois do arranque da pré-época depois de ter visto todos os jogos do Bilbao dos últimos cinco anos na sua casa em Rosário. Trazia uma lista de dispensados onde se encontravam intocáveis de Caparrós como Aitor Ocio ou Fernando Amorebieta. Mesmo assim aceitou o segundo depois de o ter convencido na pré-temporada que reunia as condições minimas que Bielsa exige aos defesas: ser os primeiros a saber manejar a bola com classe.

O seu 3-4-3, mais ousado ainda do que habitualmente utiliza Guardiola em casa, reune alguns dos mais promissores jogadores do futebol espanhol, de Iker Muniain a Marcel Susaeta passando por Oscar de Marcos, Iturraspe, Ezkiza, San José, Aurtanexe, Iraizoz ou Iraola a que se juntam os internacionais Fernando Llorente e Javi Martinez. Em oito meses de temporada poucos clubes podem dizer, com a cabeça alta, que já jogaram ao mesmo nivel que os "leones" do Louco.

 

Amanhã o Bilbao joga no Camp Nou. A habitual hipocrisia do Barcelona e a permissividade da Liga espanhola não permitiram ao clube basco cumprir as 48 horas de descanso estipuladas. É provável que o discipulo, Guardiola, vença sem dificuldade um onze mais débil e, sobretudo, muito mais extenuado, de um dos seus mentores, Bielsa. Mas para uma equipa que já tem bilhete na próxima final da Copa del Rey, que está perto de vencer a sua primeira prova europeia e que não está a mais de 9 pontos da Champions League com um plantel onde 14 jogadores cubrem mais de 85% do tempo de jogo a dois meses do final da temporada é histórico. Mais do que isso, é futebolisticamente único e humanamente apaixonante. Algo que só Marcelo seria capaz de fazer.



Miguel Lourenço Pereira às 17:39 | link do post | comentar

6 comentários:
De jaques a 30 de Março de 2012 às 22:28
Viva o bom futebol.


De Miguel Lourenço Pereira a 31 de Março de 2012 às 00:11
Jaques,

Para mim o bom futebol é sempre subjectivo mas para o meu gosto pessoal este ano não vi uma equipa como o Bilbao de Bielsa.

um abraço


De fourhorseman2 a 30 de Março de 2012 às 23:59
Grande texto miguel lourenço!Eu queria sugerir,pegando o gancho do texto,a vc que fizesse um texto falando dos treinadores que,no seu ponto-de-vista,demarcaram com um antes e depois na historia do futebol,das suas contribuições tecnicas e taticas que revolucioram o desporto-rei.
abraços!


De Miguel Lourenço Pereira a 31 de Março de 2012 às 00:13
Fourhorseman,

É naturalmente uma ideia a tratar com muito cuidado. No caso inglês, por exemplo, há dois anos foi feita aqui uma série dos managers fundamentais na evolução do jogo entre os anos 60 e 80. Evidentemente que falar de futebol é falar de treinadores e seguramente escreverei sobre esses gigantes que fizeram o jogo avançar, de Hogan a Guardiola!

um abraço


De Hugo a 31 de Março de 2012 às 21:13
Miguel,

Apenas uma pergunta: Na terça-feira (se não me engano) o Sid Lowe (Reporter do Guardian em Madrid) comentava que o A. Bilbao é um dos clubes de melhor saúde financeira em Espanha e que habitualmente, qual eucalipto, sugam a maior parte do talento basco para a sua cantera.

Obviamente não se podem comparar com o Barça nem com o Real, mas tu afirmas que eles tem recursos ínfimos, o que parece contradizer o que disse o Sid Lowe.

Quanto a Bielsa penso que desde o último Mundial que ficaram desfeitas quaiquer duvidas que houvessem em relação à qualidade do seu trabalho, ficando apenas por saber se ele poderia replicar o sucesso a nível clubístico. E parece que sim.

Mais a mais até parece que Bilbao é um clube`a medida de Bielsa, com uma equipa jovem mas com muita qualidade.



De Miguel Lourenço Pereira a 31 de Março de 2012 às 23:01
Hugo,

Li o artigo do Sid e comentei-o com ele precisamente sobre esse assunto. É verdade que no micro-cosmos Euskadi o clube com maior saude financeira é o Athletic. É habitual recrutar jogadores a clubes mais pequenos em Alava, Guipuzcoa, Navarra e até mesmo algumas zonas de La Rioja, á parte da sua zona natural, Vizcaya. Os seus olheiros antecipam-se muitas vezes aos próprios clubes locais e isso é um mérito. Por nunca contratarem jogadores fora é normal que tenham uma saude financeira única no futebol actual, especialmente depois do trabalho de Macua, o ultimo presidente.

Mas a questão, como bem apontas, é que ser o clube mais saudavel de Euskadi é como o Depor ser o clube mais saudavel da Galiza, o Rennes o clube mais saudável da Bretanha ou o Schalke 04 do Rhur. Ou seja, no universo europeu é muito pouco e não há capacidade de competir nem sequer com os Valencia, Atletico e Sevilla, quando mais com os Barça ou Madrid. Claro que a politica de só contratar jogadores bascos é um handicap gerado pelo próprio clube mas consciente e que, como demonstra a equipa deste ano, não é exclusiva de um bom plantel.

Bielsa é como van Gaal, um génio extremamente subvalorizado tanto como técnico de jovens como génio táctico!

um abraço


Comentar post

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

Fundamental.
EnfoKada
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


FUTEBOL MAGAZINE. revista de futebol online


Futebol Magazine


Traductor


Ultimas Actualizações

Toni Kroos, el Maestro In...

Portugal, começar de novo...

O circo português

Porta de entrada a outro ...

Os génios malditos alemãe...

Be right back

2014, um Mundial de parad...

Brasil vs Alemanha, o fim...

Di Stefano, o jogador mai...

Portugal, as causas da hu...

Últimos Comentários
ManostaxxGerador Automatico de ideias para topicos...
ManostaxxSaiba onde estão os seus filhos, esposo/a...
En el libro último de Carlos Daniel ni siquiera se...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
Posts mais comentados
69 comentários
64 comentários
47 comentários
Arquivo
.Do Autor
Cinema
.Blogs Portugueses
4-4-2
A Outra Visão
Açores e o Futebol
Duplo Pivot
Foot in My Heart
Futebol Finance
Futebol Portugal
Lateral Esquerdo
Leoninamente
Minuto Zero
Negócios do Futebol
Pitons em Riste
Porta 19
Portistas de Bancada
Reflexão Portista
TreinadorFutebol
.Blogs Internacionais
Os mais destacados blogs internacionais de futebol
.Imprensa Desportiva
Edições Online Imprensa
Aviso

Podem participar nesta tertúlia futebolistíca enviando os vossos comentários e sugestões à direcção de correio electrónico: Miguel.Lourenco.Pereira@gmail.com


Bem Vindos a Em Jogo...


Nota



O Em Jogo informa os leitores que as fotos publicadas não são da autoria do weblog sendo que os seus respectivos direitos pertencem aos seus legítimos autores.



Siga o Em Jogo através do:

Follow Em_Jogo on Twitter


Em Jogo

Crea tu insignia

Bem vindo!

Categorias

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO