Sexta-feira, 20 de Maio de 2011

Nunca tantas equipas estiveram pendentes até ao útlimo dia da calculadora na Liga Espanhola. As últimas duas semanas foram marcados pela tensão, pelo drama, pela esperança mas, também, pelos pactos de não-agressão. É o outro lado da realidade do futebol espanhol que poucos querem reconhecer mas que se torna evidente a cada ano que passa. A Liga dos "maletines" de última hora volta a ser o fantasma do último capitulo da liga das estrelas.

 

Não é, nem de longe nem de perto, um fenómeno espanhol. Não, é um cancro generalizado no mundo do futebol contra o qual ainda não houve, realmente, nenhuma instituição preparada para agir com prontidão e sem piedade.

As “luvas” debaixo da mesa fazem parte da linguagem comum do submundo do futebol. Em Espanha chamam-lhe "maletines".

Pagamentos para ganhar a um rival, pagamentos para perder quando não há nada em jogo, transferências submetidas a um critério de camaradagem directiva, adeptos que pressionam os próprios clubes para não entrar em campo com o profissionalismo que se lhes exige... Há de tudo e não só na La Liga.

Mas aqui, num país habituado a varrer para debaixo do tapete os grandes problemas do seu desporto mais popular (dos outros nem vale a pena falar), começa a ser complicado tapar uma realidade evidente e, até mesmo, popular. Da mesma forma que os adeptos do Betis assobiavam os seus jogadores quando estes pareciam não estar a facilitar num duelo directo da última jornada contra uma equipa que podia condenar o seu eterno rival, o Sevilla, à Segunda Divisão, hoje são muitos os adeptos que piscam os olhos aos rivais à procura de um olhar cumplice. As últimas três jornadas da Liga BBVA foram tudo menos jornadas transparantes. Há quem não se atreva a chamar-lhe corrupção, jogos viciados, como se o titulo mais ou menos duro fizesse a diferença. Não o faz. Há, realmente, resultados combinados que deixam as equipas do fundo da tabela em constante suspense. A situação está de tal forma establecida dentro do establishment que nem os rivais afectados se queixam. Sabem que, no passado ou no futuro, actuarão da mesma forma. O campeonato mais mediático das ligas europeias transforma-se, por um par de jornadas, num leilão perigoso, um verdadeira roleta russa desportiva onde as amizades podem valer uma salvação.

 

Não surpreende que o presidente da Cantabria, o omnipresente Miguel Angel Revilla, também presidente de honra do Racing, venha a público elogiar os seus jogadores por perderem. Se o rival é o Sporting Gijón, de Manuel Preciado, ex-jogador dos cantabros, não surpreende mesmo ninguém. Racing e Sporting são quase vizinhos e têm um bom historial no passado. Além do mais, na época passada, o Gijon ajudou com uma derrota inocente o clube cantábro a salvar-se da despromoção. Um ano depois os papeis inverteram-se e era o Sporting que necessitava carimbar matematicamente a salvação antes do último dia. O Racing não deu luta, o Sporting venceu por 2-1, e todos ficaram contentes. Todos menos o Deportivo de La Coruña que se queixou imediatamente do pacto porque, resulta, é a equipa mais prejudicada. Mas o “Depor”, que está à beira do precipicio, tem também o seu historial de ajudas de ultima hora.

Como o Levante, equipa que já por várias vezes salvou equipas rivais da despromoção deixando-se gentilmente ganhar quando não havia nada em jogo. O empate com o vizinho Valencia, um 0-0 soporifero, deu a ambos os pontos que necessitavam para cumprir com os seus objectivos. E agora o Levante recebe o Zaragoza, ultima equipa debaixo da linha de água, e muitos imaginam já o que irá suceder. O Getafe até pode ser o mais prejudicado por este jogo de amizades. Não que a sua vitória frente ao Osasuna não fosse suspeita (os navarros tinham dado a reviravolta a um 0-2 contra o Sevilla dias antes e estão a um ponto da salvação) mas foi o jogo com o Real Madrid que selou o seu destino. Os “azulones” funcionam quase como uma filial do clube merengue. Jogadores vendidos com preço de recompra de saldo, presidente com cartão de sócio do Real Madrid, o histórico Michel como treinador (depois de Quique Sanchez Flores, Schuster e Laudrup, outros ilustres ex-merengues terem passado pelo cargo). Todos pensavam que um Real Madrid sem nada em jogo podia dar “o jeito” no Bernabeu. Mas a fome de golos de Cristiano Ronaldo não deu hipóteses ao Getafe, frente a um conjunto de adeptos madridistas visivelmente contrariados com o seu goleador.

 

Amanhã a Liga BBVA conhece o seu desenlance. Todos os clubes afectados jogam às 22h00 e todos terão os ouvidos nos campos rivais. A matemática é fácil. Quem ganha está salvo, quem perde depende sempre de outro e se se é adepto do Zaragoza a derrota não é uma opção. A suspeita está servida, como todos os anos, e no domingo os jogos serão analisados com lupa. Mas ninguém levantará realmente o dedo. Culturalmente os resultados combinados estão demasiado enraizados e a "liga de los maletines" faz parte da mentalidade do futebol espanhol. Num país ultra-tradicionalista, ninguém espere nunca que a situação mude. Jogue quem jogue.



Miguel Lourenço Pereira às 08:59 | link do post | comentar

2 comentários:
De filomeno a 20 de Maio de 2011 às 20:41
Revilla quiso declarar "persona non grata" en Santander al gran escritor gallego Don Camilo José Cela en 1982........Vaiche boa.....?


De Miguel Lourenço Pereira a 21 de Maio de 2011 às 12:08
Filomeno,

Las relaciones entre el populista Revilla y la vecina Galicia nunca han sido buenas!

un abrazo


Comentar post

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

Fundamental.
EnfoKada
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


FUTEBOL MAGAZINE. revista de futebol online


Futebol Magazine


Traductor


Ultimas Actualizações

Toni Kroos, el Maestro In...

Portugal, começar de novo...

O circo português

Porta de entrada a outro ...

Os génios malditos alemãe...

Be right back

2014, um Mundial de parad...

Brasil vs Alemanha, o fim...

Di Stefano, o jogador mai...

Portugal, as causas da hu...

Últimos Comentários
ManostaxxGerador Automatico de ideias para topicos...
ManostaxxSaiba onde estão os seus filhos, esposo/a...
En el libro último de Carlos Daniel ni siquiera se...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
Posts mais comentados
69 comentários
64 comentários
47 comentários
Arquivo
.Do Autor
Cinema
.Blogs Portugueses
4-4-2
A Outra Visão
Açores e o Futebol
Duplo Pivot
Foot in My Heart
Futebol Finance
Futebol Portugal
Lateral Esquerdo
Leoninamente
Minuto Zero
Negócios do Futebol
Pitons em Riste
Porta 19
Portistas de Bancada
Reflexão Portista
TreinadorFutebol
.Blogs Internacionais
Os mais destacados blogs internacionais de futebol
.Imprensa Desportiva
Edições Online Imprensa
Aviso

Podem participar nesta tertúlia futebolistíca enviando os vossos comentários e sugestões à direcção de correio electrónico: Miguel.Lourenco.Pereira@gmail.com


Bem Vindos a Em Jogo...


Nota



O Em Jogo informa os leitores que as fotos publicadas não são da autoria do weblog sendo que os seus respectivos direitos pertencem aos seus legítimos autores.



Siga o Em Jogo através do:

Follow Em_Jogo on Twitter


Em Jogo

Crea tu insignia

Bem vindo!

Categorias

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO