Sexta-feira, 25 de Junho de 2010

Voltou um rival de renome, voltou o lado negro da equipa portuguesa. Uma equipa estupenda a defender (já vao 8 jogos e só o Uruguai e o Chile, de momento, podem apurar-se sem sofrer golos na primeira fase), mas terrivel no processo ofensivo. Um seleccionador sem vontade de ganhar e um capitao sem vontade de jogar foram suficientes para que Portugal se tenha de contentar com o segundo posto. Com as consequências futuras inevitáveis.

Portugal qualificou-se para os Oitavos de Final com um triste empate a zero com o já qualificado Brasil.

A equipa de Dunga ofereceu o seu pior rosto, para desespero do próprio técnico, e mostrou que este escrete canarinho é tudo menos elegante e entusiasmante. Uma equipa sem capacidade de superar defesas bem organizadas. Foi isso o que Portugal fez durante todo o jogo. Defender. E bem.

Eduardo teve três boas intervençoes (tem transmitido segurança a cada jogo) e a defesa cometeu poucos erros. Ricardo Costa foi uma surpresa pela direita, mas nao fez um grande jogo, sem comprometer em demasia. Por outro lado Coentrao continua a sua carreira ascendente com um jogo notável em que teve o importante apoio de Duda, uma aposta ganha por Carlos Queiroz. No miolo, Carvalho e Bruno Alves, foram igualmente seguros mas trapalhoes à hora de sair com a bola nos pés. Para resolver esse problema, Pepe demonstrou que está de volta, com uma imensa exibiçao que deixa boas indicaçoes para a próxima ronda. Meireles e Tiago, mais preocupados em concentrar esforços em anular o jogo ofensivo do miolo brasileiro, tiveram pouco tempo e espaço para atacar. Acabou, no entanto, por ser o médio do FC Porto quem teve nos pés a melhor oportunidade de golo, num lance em que um corte trapalhao de Lucio ofereceu a Portugal o golo da vitória. Julio César defendeu e garantiu um empate embaraçoso para os dois conjuntos. Muito por culpa da ausência de um real jogo ofensivo.

 

Cristiano Ronaldo foi o espelho dessa razia de ideias.

O capitao da selecçao fez um dos seus piores jogos com a camisola de Portugal. A pressao de jogar contra uma grande equipa pôde com ele, egoista em cada lance, cada drible, cada livre, cada momento. Foi tudo, menos um capitao. Nao ajudou no processo defensivo e revelou-se sempre trapalhao no processo ofensivo. Com ele em campo, e sem nenhum avançado, num desses lances tácticos que revelam as grandes debilidades de Carlos Queiroz à hora de armar uma equipa ganhadora, Portugal viu-se amputado de golo. Simao Sabrosa, quando entrou, ainda teve a capacidade de mostrar que, se Portugal quisesse, podia ter ganho. Mas nunca o quis, prova de que Danny aguentou até ao fim, mais um péssimo jogo com a camisola das quinas. Ao lançar Veloso a 10 minutos do fim, quando já sabiam que a Costa do Marfim levava apenas um 3-0 de vantagem, Portugal abdicou de vencer. E condenou-se a ter de sofrer se quer ir longe neste Mundial pouco amigo das equipas europeias.

 

No final Portugal mereceu o apuramento, o Brasil continua a oferecer um lado triste do seu melhor jogo e agora todos os olhos estao postos no duelo entre Chile e Espanha. Portugal sabe que tem um caminho de sofrimento pela frente, o Brasil tem apenas um rival complicado até chegar à final. Portugal voltou a ser uma equipa triste e medrosa. Que passará quando for mesmo a doer?


Categorias: ,

Miguel Lourenço Pereira às 18:40 | link do post | comentar

2 comentários:
De Ricardo a 25 de Junho de 2010 às 19:32
Não percebi a entrada do Ricardo Costa para lateral direito, mesmo que ela tenha jogado nessa posição no FC Porto. Não tinha o Paulo Ferreira ou o Miguel? E porque é que insiste em por a jogar o Danny ? Ele sempre que toca na bola destrói jogo. O CR foi uma nódoa, teve uma atitude miserável em toda a partida. O Pepe estava a ver se era expulso no primeiro jogo. Ele gosta muito de ver os jogos pela televisão. Enfim...
O arbitro era um ladrão do pior e os jogadores do Brasil mostraram a todo o mundo o que é o "JOGA BONITO".


De Miguel Lourenço Pereira a 26 de Junho de 2010 às 10:33
O que nao se entende é poque entrou o Veloso. Se o Beto podia ajudar o Eduado na baliza...


Comentar post

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

Fundamental.
EnfoKada
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


FUTEBOL MAGAZINE. revista de futebol online


Futebol Magazine


Traductor


Ultimas Actualizações

Toni Kroos, el Maestro In...

Portugal, começar de novo...

O circo português

Porta de entrada a outro ...

Os génios malditos alemãe...

Be right back

2014, um Mundial de parad...

Brasil vs Alemanha, o fim...

Di Stefano, o jogador mai...

Portugal, as causas da hu...

Últimos Comentários
ManostaxxGerador Automatico de ideias para topicos...
ManostaxxSaiba onde estão os seus filhos, esposo/a...
En el libro último de Carlos Daniel ni siquiera se...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
.Xavi e o melhor jogador meio campista atual e da ...
Posts mais comentados
69 comentários
64 comentários
47 comentários
Arquivo
.Do Autor
Cinema
.Blogs Portugueses
4-4-2
A Outra Visão
Açores e o Futebol
Duplo Pivot
Foot in My Heart
Futebol Finance
Futebol Portugal
Lateral Esquerdo
Leoninamente
Minuto Zero
Negócios do Futebol
Pitons em Riste
Porta 19
Portistas de Bancada
Reflexão Portista
TreinadorFutebol
.Blogs Internacionais
Os mais destacados blogs internacionais de futebol
.Imprensa Desportiva
Edições Online Imprensa
Aviso

Podem participar nesta tertúlia futebolistíca enviando os vossos comentários e sugestões à direcção de correio electrónico: Miguel.Lourenco.Pereira@gmail.com


Bem Vindos a Em Jogo...


Nota



O Em Jogo informa os leitores que as fotos publicadas não são da autoria do weblog sendo que os seus respectivos direitos pertencem aos seus legítimos autores.



Siga o Em Jogo através do:

Follow Em_Jogo on Twitter


Em Jogo

Crea tu insignia

Bem vindo!

Categorias

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO